Alerta aos pais: Menina de 1 ano sai sem vida após uma visita ao dentista

O caso ocorreu no Texas, nos Estados Unidos no ultimo mês. A mãe, Betty Squier levou sua filha ao dentista para tratar de umas cáries, um procedimento considerado simples, mas que acabou da pior maneira possível.

Parece estranho noticiar que uma criança de 1 ano e dois meses precisou ir ao dentista. Apesar de a menina ser praticamente um bebê, é possível que dentes de leite também passem pelo procedimento de canal porque, como os dentes permanentes eles também possuem raiz e polpa. O procedimento pode ocorrer quando há cárie ou uma má-formação, por exemplo.

Antes de iniciar o procedimento a mãe conversou com o anestesista para saber mais detalhes.

PUBLICIDADE

“Ele me disse o quão bonito o meu bebê era e como o procedimento seria muito rápido e que eu iria vê-la em breve”, comentou Betty que ainda disse ter segurado a mão da filha e dito em seu ouvido: “Vai ficar tudo bem, Daisy, vou voltar logo”.

Durante o procedimento a mãe foi informada que ocorreu uma complicação e que sua filha estava a caminho de um hospital na ambulância. Pouco depois a menina foi declarada morta.

A mãe denunciou a clínica e segundo a imprensa americana o caso agora está sendo investigado pelo Conselho de Estado do Texas. Os pais estão revoltados com o que aconteceu.

PUBLICIDADE

“Estamos entorpecidos e perdidos de dor. Nós só queremos algumas respostas. Você confia em seus médicos, seus dentistas, pensando que eles sabem o que estão fazendo. Você não leva seu filho para o dentista pensando que vai ser a última vez que você vê-lo vivo”, disse a mãe.

Betty Squier e seu marido, Elizandro Torres, estão inconformados com o que aconteceu e não param de se perguntar se algo poderia ter evitado essa tragédia em suas vidas.

A clínica onde a menina fez o procedimento odontológico se pronunciou dizendo que o uso de anestesia em bebês não é incomum, e ajuda para que a criança não faça movimentos inesperados durante  procedimento, evitando assim que se machuquem.

PUBLICIDADE

A clínica ainda acrescentou, “Nunca tivemos nada aqui assim. É trágico, e nossos corações estão com a família dela agora”.

É importante pesquisar bem e procurar mais de uma opinião médica para qualquer procedimento realizado, principalmente em bebês e crianças, que tendem a ser mais frágeis.

PUBLICIDADE