Ana Flávia relata em depoimento que comprou a gasolina utilizada no crime

A filha do casal conta que foi até o posto de gasolina com Jonathan para comprar a gasolina para carbonizar sua família

Ana Flávia, acusada de matar os pais e o irmão, juntamente com sua namorada, contou em seu depoimento para a polícia que foi até um posto de gasolina para comprar o combustível usado para carbonizar o carro. O programa Fantástico teve acesso exclusivo à alguns trechos do depoimento da acusada.

A família foi morta e carbonizada em um carro abandonado em uma zona rural. Já são 4 suspeitos presos. O plano inicial teria sido de roubo à família, mas o plano mudou o rumo ao não conseguirem o dinheiro.

As mortes aconteceram no dia 27 de janeiro desse ano, e os corpos foram encontrados no dia 28. Romuyuki, Flaviana e Juan foram mortos brutalmente. Pai e filho foram mortos ainda no apartamento da família, e Flaviana teria ido dirigindo até o local de sua morte, onde foi morta e carbonizada com marido e filho.

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.