Ao ver sua mãe e seu irmão sendo agredidos pelo padrasto menino de 11 anos parte para cima dele e o pior acontece

Infelizmente a criança tentou apenas ajudar, mas acabou cometendo um crime.

Em Campinas cidade cerca de 93 km de São Paulo segundo a polícia um menino de 11 anos é suspeito de ter tirado a vida de seu padrasto de 43 anos de idade, o motivo relatado pela polícia foi para proteger o irmão de 15 anos e a mãe que estava sendo agredidos.

De acordo com o testemunho da mãe do garoto, o padrasto discutia com a mulher porque a conta de luz não havia sido paga, estava atrasada e iriam cortar a energia da casa, a mulher disse que o homem foi com violência para cima dela, então o seu filho de 15 anos entrou na frente para protegê-la, mas acabou sendo mobilizado com um mata-leão e agredido.

Em depoimento ela relatou que tentou tirar o filho dos braços do homem, mas não conseguiu, a briga estava tão seria que não podiam se soltar, foi então que a criança de 11 anos tendo nas mãos uma arma branca, atingiu o padrasto duas vezes no pescoço.

Segundo o boletim de ocorrência o homem foi ferido e saiu da casa que fica no bairro Jardim Novo Mundo, saiu correndo pedindo socorro aos vizinhos, uma técnica de enfermagem que mora próximo o socorreu ajudando a estancar a hemorragia até que chegassem os socorristas, mas ao chegar o Samu, não puderam fazer nada pois o homem havia morrido no local.

A mulher e os dois filhos foram à delegacia prestar depoimento, mas a criança de 11 anos foi encaminhada a Vara da Infância e Juventude. Segundo a polícia, a mulher já havia registrado um boletim de ocorrência contra o marido devido as agressões, pois segundo a mulher, ele era muito ciumento, o caso corre em segredo de Justiça.

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.