Às vésperas do pico de coronavirus no Brasil os estados enfrentam falta de leitos e sinais preocupantes no sistema de saúde do país: “Dias difíceis virão”

O sistema de saúde do Brasil mostra sinais preocupantes principalmente perto de completar a marca de 3000 mortos causados por coronavirus.

O oncologista Nelson teich novo ministro da saúde escolhido pelo presidente Bolsonaro anunciou que o governo federal vai lançar uma diretriz para que os estados e municípios possam se apoiar em relação ao isolamento social e como irão enfrentar a pandemia de covid-19.

O sistema de saúde do Brasil mostra sinais preocupantes principalmente perto de completar a marca de 3000 mortos causados por coronavirus em todos os estados.

PUBLICIDADE

Muitos estados já não tem leitos de UTI suficientes para atender a alta demanda de pacientes positivos para Covid-19. Em algumas cidades o sistema funerário está sobrecarregado e as pressões políticas pelo fim do isolamento social também tem sido um grande desafio pelo país a fora.

Em Manaus além de enfrentar o grave problema da falta de leitos para os pacientes a cidade também começou a abrir diversas obras coletivas para enterrar os mortos pela doença. Uma situação caótica e muito triste.

PUBLICIDADE

O prefeito Arthur Virgílio Neto acabou chorando depois de decretar estado de calamidade na capital do Amazonas. Infelizmente o município de Manacapuru é um dos que possuem o maior número de casos de coronavirus confirmados com mortes.

O governador do estado demonstrou preocupação com avanço da doença e de acordo com as informações do governo a pandemia nem ainda atingiu o pico no estado e já fez um grande estrago.

No Estado do Pará o governador Helder Barbalho também está preocupado e com medo de que a situação chega ao nível preocupante de Manaus, pois o início de ocupação dos leitos na UTI já é de 91% um número muito alto e assustador.

No estado do Pernambuco também a situação é crítica e já não há leitos disponíveis, pois no estado ocupa 99% das UTIs. A situação é muito alarmante e preocupante, pois em todo o mundo o número de mortos e alto.

 

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.