Bactéria comedora de carne pode vir a se espalhar na Austrália

A bactéria em questão transmite a doença conhecida como úlcera de Buruli

Uma bactéria “comedora de carne” pode vir a se espalhar na Austrália. De acordo com informações publicadas pelo G1, tudo começou a acontecer quando Adam Noel achou que havia sido picado por um mosquito.

Então, ele notou um calombo vermelho na parte traseira do seu tornozelo. Como a ferida não melhorava e passou a se assemelhar a uma irritação, posteriormente fazendo surgir um buraco no local, Adam procurou por médicos.

PUBLICIDADE

No período em questão, abril de 2020, a pandemia da Covid-19 estava em alta na Austrália. Assim, os esforços dos profissionais de saúde estavam voltados para o combate do vírus. Então, Adam Noel ouviu dos médicos que o machucado melhoraria em breve, mas ele seguiu piorando ao ponto de que o seu tendão de Aquiles fosse exposto.

Devido aos fatos destacados, o homem seguiu para um dos principais hospitais da Austrália, no qual foi diagnosticado com úlcera Buruli, uma doença de origens bacterianas capaz de causar feridas como a sua. Tais feridas ficam abertas e, caso não sejam tratadas corretamente, podem ocasionar uma desfiguração permanente no seu portador.

PUBLICIDADE

De acordo com os cientistas, a doença em questão pode ter sido causada por gambás. Adam havia cortado algumas árvores que não eram mexidas há 20 anos quando percebeu o calombo e os animais em questão também são acometidos pela úlcera de Buruli.

Devido à perda de habitat natural por parte dos gambás, que são transmissores da doença para seres humanos, eles têm se aproximado cada vez mais dos centros urbanos.

 

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.