Barco foi flagrado navegando sozinho no rio Tietê, dono ainda não foi encontrado

Bombeiros e familiares continuam buscando pelo pintor José Mantovani, de 60 anos, dono do barco que foi flagrado navegando sozinho no Rio Tietê. Segundo a família, José desapareceu depois de sair de casa para buscar um parente que acampava com dois amigos às margens do rio.

O barco pertencente a José Mantovani de 60 anos, foi encontrado vazio no rio Tietê, familiares e o corpo de bombeiros realizaram uma busca intensa pelo idoso.

Segundo a família, José havia desaparecido ao sair de casa para buscar alguns amigos que estavam acampando à margem do rio.

PUBLICIDADE

O pintor José Mantovani estava em um rancho da família almoçando, que fica em Santo Antônio do Araranguá em São Paulo, o telefone dele tocou e alguns amigos estavam pedindo para que ele buscassem eles na beira do rio.

Logo depois de ter almoçado, ele entrou no barco, colocou o colete salva-vidas e saiu para buscar os amigos, desde então os familiares não tiveram mais notícia do seu José.

PUBLICIDADE

Os familiares contaram que o pessoal que estavam no acampamento, tornou a ligar perguntando se José já havia saído para buscá-los, como havia passado muito tempo a família ficou preocupada.

Eles ligaram para o Corpo de Bombeiros que ao procurar pela embarcação, viu o barco do pintor ligado e navegando sozinho no rio.

O Corpo de Bombeiros começou a realizar uma busca por toda a região, mas a única coisa que foi encontrado foi o boné e o colete salva-vidas que José estava usando.

As buscas continuaram e a família suspeita que José tenha batido a embarcação em um tronco e caído na água, ou talvez ele tenha passado mal e como não estava usando colete salva-vidas no momento, não conseguiu ir para margem.

http://g1.globo.com/sao-paulo/sorocaba-jundiai/videos/v/bombeiros-procuram-por-dono-de-embarcacao-vi…

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.