Bebê de 3 anos tem parte do órgão genital amputado durante cirurgia em Minas Gerais

O pai disse que ficou enjoado com a resposta do médico, pois ele o tratou como se ele fosse um idiota. O pai disse que perdeu toda a confiança naquela equipe médica, pois apenas pelo choro do filho ele sabia que a criança estava sofrendo.

O pai decidiu levar a criança para o hospital Rosália que fica em Teófilo Otoni e lá foi constatado que houve a amputação parcial inadvertida do órgão genital da criança.

A criança passou por uma nova cirurgia para que pudesse urinar sem precisar de usar sonda, a criança já está em casa se recupera bem.

Os médicos estão analisando o caso para ver se há possibilidade de uma reconstrução do órgão genital. A polícia está investigando o caso, se for comprovado o erro médico o doutor responsável pela cirurgia não poderá responder porque faleceu.

 

Escrito por Cláudia Lm

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.