Bebê morre afogado durante cerimônia de batismo após ser mergulhado por três vezes em água benta

O padre que teria realizado a cerimônia de batismo está sendo acusado por todos de homicídio.

No catolicismo, geralmente há uma cerimônia de batismo, que ocorre em quase todos os países. Embora em alguns lugares o ritual seja realizado de forma diferente, por exemplo, no caso romeno, o bebê era imerso em água benta três vezes seguidas durante o ritual.

Porém, ocorreu uma terrível tragédia durante uma cerimônia, um bebê morreu após ser imerso em água benta. Este terrível caso ocorreu em uma igreja ortodoxa na Romênia e causou uma grande repercussão na internet.

PUBLICIDADE

Por meio de uma autópsia, pode-se analisar que a criança morreu com fluido nos pulmões, o que levou a complicações como parada cardíaca, o que a levou até a morte.

Segundo o jornal local “The Guardian”, a identidade do bebê não foi divulgada e teria sido submetida ao batismo conforme a tradição do local, sendo realizado no dia primeiro desse mês, mas só ganhou repercussão agora.

PUBLICIDADE

Após o trágico acidente, a criança teria sido levada imediatamente para uma unidade de saúde e passou por atendimento, no entanto ele acabou vindo a falecer momentos depois.

O padre que teria realizado a cerimonia de batismo está sendo acusado por todos de homicídio. O local onde ocorreu a cerimonia vem sendo bastante criticado pela população, que exige que o ritual sofra algumas mudanças, pata que assim mais crianças não morram.

O porta voz da igreja Ortodoxa, Vasile Banescu, se apresentou, dando a idéia de que ao invés de mergulhar a criança, seria apenas jogar um pouco de agua sobre a cabeça da criança.

No entanto o arcebispo Teodosie não concordou com o procedimento do novo ritual, afirmando que não haveria mudanças.

Escrito por Margareth Santos

Gosto de dedicar uma parte do meu tempo levando noticias e informações através de matérias relacionadas a tudo, inclusive de saúde, culinária, famosos e do mundo da maternidade.