Bebê nasce com um enorme tumor e passa por uma transformação incrível

A pequena Jenessa foi diagnosticada com um tumor que estava na região do seu pescoço e para salvá-la os médicos executaram algo inovador.

Ter filhos é uma grande dádiva de Deus, não há nada mais belo e gratificante do que ver um pedacinho seu correndo pelos lados da casa, quem passa por isso entende perfeitamente o que eu estou falando nesse artigo.

Uma das piores coisas na vida de ser pai ou mãe, é você descobrir que seu filho (a) terá que passar por algum procedimento que possa oferecer riscos a vida deles, você fica sem chão e com o coração apertado, pois sabe que se pudesse trocaria de lugar com seu filho(a) sem pensar nenhuma vez.

PUBLICIDADE

Quem passou por uma situação totalmente difícil, foi a mamãe Theodora com suas pequenas gemeas, graça a um procedimento cirúrgico de emergência bem inovador, uma de suas filhas teve que passar por ele e teve uma recuperação incrível e bem sossegada.

Theodora estava a espera das gêmeas Jenessa e Genesis, quando infelizmente ainda com 13 semanas de gestação ela recebeu a mais dura e triste noticia, enquanto ela fazia uma ultrassom de rotina para ver se as bebês estavam bem.

PUBLICIDADE

Neste dia, a mãe das gêmeas descobriu que uma de suas bebês, a Jenessa possuía um grande tumor localizado em seu pescoço, e ele crescia rapidamente para a surpresa dos médicos.O tumor era de tamanha preocupação, pois ele poderia a qualquer momento sufocar a pequena Jenessa a qualquer momento por estar crescendo demais, e ainda havia uma grande possibilidade de sua irmãzinha Genesis ter o desenvolvimento do mesma doença.

A medida em que as semanas de gravidez iam se passando, o tumor da bebê Jenessa ia crescendo cada vez mais, Para a felicidade e alegria de todos, o tumor não se desenvolveu na outra bebê Genesis, como os médicos haviam previstos. Diante do grande risco de morrer que Jenessa estava supostamente correndo ainda dentro da barriga, tudo decorrente desse tumor.

Por causa disso que os médicos de The Chicago Institute for Fetal Health e do Ann & Robert H. Lurie Children’s Hospital of Chicago, tiveram a iniciativa de realizar uma cesariana inovadora nas gemeas.

Isso ocorreu por causa do enorme tamanho que encontrava o tumor, e o risco de Jenesse vir a óbito sufocada logo após cortarem seu cordão umbilical, pois era possível ver com clareza que o tumor já estava impedindo a respiração da pequena.

Então os médicos tiveram a certeza que precisavam agir logo, então resolveram que teriam que fazer uma pequena incisão na barriga de Theodora, deixando um espaço que fosse suficiente para colocarem um tubo na boquinha de Jenessa, e somente logo após fazerem isso, então começaram a cesariana.Logo depois que realizaram a cesariana, e romperam o cordão umbilical, o tubo inserido na pequena Jenessa já estava a ajudando a respirar bem, E logo em seguida da cesária, a pequena Jenessa já foi submetida a uma cirurgia para a retirada do seu tumor.

O nascimento das bebês aconteceu em Dezembro, a pequena genesis precisou apenas ficar três meses no hospital, pois precisa ainda ganhar peso para ser liberada para poder ir para casa. Enquanto a pequena Jenessa só poder ter alta recentemente, agora no mês de Junho.

Mas as probabilidades de melhoras para a pequena Jenessa , são as melhores até o momento, atualmente ela esta fazendo uso de uma traqueostomia, mas pelas estatísticas dos médicos que a atenderam, eles tem absoluta certeza que em um prazo curto de tempo ela já poderá ser removida.

Veja a foto da bebê Jenessa saindo do hospital, depois de seis meses internada, ao seu lado está sua irmã Genesis

Escrito por Pedro Machado

Apaixonado por marketing digital, colunista em diversos sites e páginas do facebook. Trabalhando como redator autônomo há mais de 5 anos. Contato: [email protected]