Candidato a vereador é flagrado fazendo algo cruel contra uma cadela

Político chegou a ser agredido por populares e fugiu da cidade. Partido disse que ele será expulso da legenda.

Um caso de maus-tratos a animais causou revolta em moradores da cidade de Caldas Novas, no sul de Goiás. O candidato a vereador Sandoval Damásio dos Santos, conhecido como Sandoval Leão (PT), foi filmado na última segunda-feira (2) cometendo estupro contra uma cadela dentro de sua casa.

O político chegou a ser agredido e fugiu da cidade. Já a cadela, foi encaminhada até uma clínica, onde recebeu cuidados veterinários.

PUBLICIDADE

O flagrante foi feito pela filha do dono da casa que o candidato tinha alugado, que ao ver a chocante cena comunicou ao seu pai, que filmou a ação. O homem então chegou a gritar com o candidato e a agredi-lo.

O delegado Gustavo Ferreira, que cuida do caso, disse que após a repercussão dos fatos na cidade, o político sofreu novas agressões, desta vez feita por outros moradores, e por isso fugiu. A polícia agora busca saber seu paradeiro.

PUBLICIDADE

Ainda de acordo com o delegado, o acusado irá responder por maus-tratos e a pena para esse tipo de crime pode chegar até a cinco anos de prisão. Foram pedidos exames no animal para que se possa comprovar as lesões.

O diretório do PT em Caldas Novas informou que Sandoval Leão foi expulso do partido e também será pedido o cancelamento de sua candidatura. Até a tarde desta quinta-feira (5), o candidato, de acordo com o site do Tribunal Superior Eleitoral, ainda era considerado apto a concorrer ao pleito.

 

Escrito por Carlos Eduardo Dias Gouvea

Jornalista esportivo desde 1999, com experiência em coberturas de torneios profissionais e amadores de futsal. Trabalhei nos jornais Alternativa News (Osasco), Gazeta de Votorantim e Editor da Gazeta do Futebol e do SuperFutebol.