Cientista encontram embrião preservado de dinossauro que viveu há 80 milhões de anos

Uma equipe internacional de pesquisadores fez uma descoberta rara de um embrião de dinossauro que ficou preservado, mesmo tendo vivido há cerca de 80 milhões de anos atrás. A descoberta em questão foi publicada nesta última quinta-feira (27) através da revista “Current Biology”.

O dinossauro em questão, é um saurópode, que é conhecido por ter seu pescoço comprido e a cabeça pequena. Este inclusive é um dos dinossauros que aparece no conhecido filme “Jurassic Park”.

PUBLICIDADE

O animal é um dos maiores que já viveu, de acordo com o que foi explicado pelo pesquisador John Nudds, que é professor da Universidade de Manchester, e um dos autores do estudo que foi publicada nesta semana.

De acordo com o que foi relatado pelo pesquisador, o embrião em questão conta apenas com um centímetro e meio de comprimento. Ele ainda informa, que ao ser chocado, o bebê de dinossauro poderia atingir cerca de 10 a 12 centímetro de comprimento. Os adultos desta espécie tinham 40 metros de comprimento, de acordo com Nudds.

PUBLICIDADE

O pesquisador ainda ponta, que o ovo, provavelmente teria sido chocado após 60 dias. Depois disso, que o dinossauro nascesse, o embrião então levaria muitos anos para que  ele conseguisse chegar ao tamanho que normalmente um adulto desta espécie atinge.

Os cientistas analisaram o embrião em questão, e descobriram que o saurópodes tinha até mesmo uma espécie de chifre no nariz, que ajudava com que o bebê pudesse quebrar o ovo no momento de seu nascimento.

 

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.