Depois de ficar cega após ser diagnosticada com catarata, menina de 4 anos realiza duas cirurgias, e volta a enxergar”A emoção é grande”

Uma emocionante história e um final feliz.

A menina Maria Clara Silva Durval, de quatro anos, tinha sido diagnosticada com catarata, depois de ter perdido completamente a visao do olho esquerdo, atingindo ainda uma parte do direito.

Depois de ter realizado um procedimento cirúrgico, a menina recuperou a visão dos dois olhos depois de 5 meses. “A emoção tomou conta dos pais, quando a menina percebeu que os moveis nesse tempo tinham sido mudados de sitio, depois que perdeu a visão”, conta a mãe Thamyres.

PUBLICIDADE

A família reside em São Vicente, no litoral paulista. Ao site G1, a mãe deu uma entrevista no início de abril desse ano, onde contou o seu desespero, pois estava à espera que existisse uma vaga para o procedimento cirúrgico que poderia mudar a vida da filha.

Depois que foi feira a divulgação, um empresário Marcelo Coelho, se comoveu o caso da menina, e ofereceu todo o procedimento gratuito para realizar a cirurgia, com o apoio de um instituto e de um oftalmologista Marcos Alonso Garcia.

PUBLICIDADE

O diagnóstico, foi dado em janeiro, depois que a mãe se deu conta que a menina estava com uma mancha branca nos olhos. Ela conta que de imediato tampou o olho, para ver se a menina estava visualizando alguma coisa, e o resultado assustou, a Maria Clara não enxergava mais.

Foi ai que ela procurou um médico na unidade de saúde, na região e foi encaminhada para o hospital da cidade, onde foi vista por um especialista dos olhos, que de imediato disso que a menina estava com uma catarata.

A mãe relata, que foram momentos muito complicados depois de ver que a menina estava ficando sem visão, e não podia mais fazer as atividades que tanto gostava. Infelizmente, a menina teve que abandonar a ida na escola, e a mãe teve que largar o emprego.

Durante cinco meses, foi muito complicado, e momentos duros para a família, até que finalmente chegou o dia de fazer a primeira cirurgia no olho esquerdo. E entretanto em sequência fez também do outro olho.

“Duas cirurgias realizadas com sucesso, a primeira a 20 de abril, e a segunda a 18 de maio, Além da ansiedade como iria correr a cirurgia, também estava com uma grande preocupação por ser uma cirurgia muito delicada.

Mas finalmente o final foi feliz, a menina recuperou sem qualquer dificuldade.Foi a melhor notícia, estamos todos felizes”, conta a mãe.

Como  estava sem saída, Thamyres já tinha iniciado uma campanha de fundos, virtual para conseguir juntar o valor para pagar a cirurgia da filha, e nessa campanha conseguiu arrecadar mais de quatro mil e seiscentos reais.

Como a menina já realizou a cirurgia, esse dinheiro vai ser gasto para os cuidados adicionais da menina, uma vez que ela irá passar por outras etapas após cirurgia.

“Agora ela precisa, de fazer o estimulo de visão, o médico explicou que pode ter ficado um pouco “malandra”, devido ao tempo que ficou sem enxergar. Então ela vai ainda precisar de continuar tratamentos e óculos.

Esse dinheiro vais ser para isso. Eu agradeço a todos que ajudaram, porque com essa pandemia não está fácil sobreviver, fiquei sem trabalho, e isso me trouxe uma grande esperança. Ela está muito feliz”, finaliza.

 

 

 

 

 

 

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!