Deputado passa a mão em seio de colega parlamentar e causa escândalo sexual

O parlamentar se defendeu e alegou que sua intenção não era causar constrangimento

Um escândalo sexual envolvendo o nome do deputado estadual Fernando Cury gerou repercussão nas redes sociais nos últimos dias. A situação ocorreu devido a uma cena um tanto controversa que aconteceu durante a sessão que ocorreu na noite quarta-feira (16). No momento, era discutido pelos parlamentares o orçamento para o ano que vem quando o acusado, é visto passando a mão no seio de Isa Penna.

Logo após o ocorrido, a deputada decidiu levar o caso para as autoridades, de diante disso registou uma queixa alegando importunação sexual contra o deputado. Ela aparece no momento, debruçada a mesa da diretora da casa, quando acaba sendo apalpada pelo deputado. Ao sentir as mãos do colega, Isa logo reage e se mostra indignada com a situação.

PUBLICIDADE

A assessoria da deputada enviou uma nota em que alega que Cury está também sendo acusado por agir desta forma em outros momentos com colegas da Assembleia Legislativa de São Paulo. As deputadas em questão que sofreram algum topo de assédio do parlamentar foram Mônica Seixa e Erica Malunguinho.

Na sessão que ocorreu nesta última quinta-feira (17) Isa subiu à tribuna, e explicou aos seus colegas a respeito da ação que irá mover contra Cury no Conselho de Érica da Casa. Ela ainda ressaltou que o parlamentar também agiu com outras colegas em outros momentos da mesma forma relatada por ela.

Cury então, pediu perdão pela cena ocorrida, e alegou que a sua intenção no momento não era de constranger Penna. Ele ainda alegou que possui esta conduta de abraçar os colegas de trabalho da Assmbleia em vários momentos, sejam homens ou mulheres.

 

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.