Em pleno carnaval, Bolsonaro comete infração de trânsito ao circular de moto com capacete solto

Estamos em tempo de folia, e até o Presidente Bolsonaro, também aproveitou para passar o carnaval da Baixada Santista.

Antes de passar ao ocorrido, a Secretária de comunicação do Palácio do Planalto, informou que não vai debater o assunto. Como se diz é carnaval ninguém leva a mal, mas desta vez acabou por estipular os limites. Na tarde desta segunda-feira(24), o Presidente Jair Bolsonaro, acabou cometendo uma infração de transito, quando estava a sair para fazer um passeio de motocicleta.

Confira o vídeo do momento:

PUBLICIDADE

Bolsonaro

PUBLICIDADE

Bolsonaro comete infração de trânsito ao andar de moto com capacete solto em Guarujá, SP. Veja ==> https://glo.bo/3c1BWHb #G1

Posted by G1 – O Portal de Notícias da Globo on Monday, February 24, 2020

Quando ele circulava, na Baixada Paulista, em Guarujá, seu capacete não estava devidamente preso como manda o código da estrada.

Segundo o código 453 do Contran, de 2013,”é obrigatório, ao circular nas visas públicas, o uso do capacete motociclístico, seja pelo condutor ou passageiro da motocicleta, mozoneta, ciclomotor, triciclo motorizado, ou seja tudo que seja motorizado, seja de 2 ou 4 rodas.

O capacete tem que estar devidamente afixado à cabeça pelo conjunto que assim é formado pela conta jugular e engate, por deixo da maxilar inferior. Depois do ocorrido, o site G1, procurou a Secretária de comunicação do palácio do Planalto, mas sem sucesso.

Já a mesma infração, é sujeita a multa, e também pontos na carteira nacional de habilitação, que depende da infração apontada no momento do flagrante. Mas segundo o especialista de trânsito, e ex-presidente da comissão de trânsito da ordem diz advogados do Brasil:

O Presidente cometeu uma infração leve, mas mesmo assim ficou sujeito a três pontos na CNH,incluindo uma multa de R$88,38 por estar dirigindo um veiculo motorizado”sem qualquer atenção, e cuidados indispensável à segurança”. Recorde-se que a fivela do capacete se encontra no capacete para usar, além disso protege em caso de acidentes, evitando que ele saia”, acrescentou.

Ainda assim, o engenheiro especialista na área de transito: para Bolsonaro, ele acabou por infringir o inciso I do artigo 244 do CBT. Ele que também é considerado infração por não usar”o capacete de proteção com viseira ou óculos de proteção, além do vestuário adequado”.

 

O Presidente tinha regressado ao Guarujá de helicópetro, por cerca das 17h30 desta última sexta-feira(21).

 

 

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!