Escândalo: Jair Bolsonaro é acusado de ter ligação ao tráfico de crianças pelo grupo Anonymous

Escândalo envolvendo Bolsonaro:

O famoso grupo de hackers Anonymous reapareceu e dessa vez eles anunciaram que vão à guerra. O grupo é bastante conhecido e tem muita credibilidade no mundo dos hackers e sua volta, trouxe esperança para a população dos Estados Unidos da América.

O grupo quando voltou, fez acusações graves contra grandes instituições, após o terrível e cruel assassinato de George Floyd pelo o agente Derek Chauvin. Depois que aconteceu diversos protestos no país, o grupo de hackers tomou a decisão de voltar a ativa.

PUBLICIDADE

O grupo decidiu publicar um vídeo que já se espalhou por toda a internet e o mundo todo já teve acesso à esse vídeo. O grupo fala em fazer justiça com as próprias mãos. Os Anonymous começou seus ataques divulgando um conteúdo no qual sugere que o atual presidente dos Estados Unidos da América, Donald Trump, supostamente poderia estar envolvido em algum esquema de tráfico de criança.

Acusação antiga contra Trump vem de modelo

Você se lembra do caso da modelo Shawna Lee? Não? Então, relembre agora:

PUBLICIDADE

A jovem relatou aos atores do livro Todas as Mulheres do Presidente: Donald Trump e a Gênese de um predador, no relato ela fala que foi obrigada a dançar de maneira sensual para o atual presidente Donald Trump e seu velho amigo John Casablancas. A modelo também conta que isso tudo aconteceu dentro de um iate.

O amigo de Trump, John Casablancas, faleceu no ano de 2013, aos 70 anos de idade e a causa da morte foi câncer. O rapaz, impulsionou carreiras de muitas modelos pelo mundo todo, incluindo a modelo muito famosa, Gisele Bundchen.

Os Anonymous faz graves acusações contra o falecido empresário, que quando vivo, era muito amigo do atual presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, de abusar de menores de idades e até mesmo de traficar, durante sua vida.

Anonymous relacionou Bolsonaro ao tráfico

O famoso grupo fez uma publicação dizendo que os brasileiros deveriam fazer uma investigação de uma possível relação do atual presidente do Brasil, Jair Messias Bolsonaro com o amigo próximo de Trump, John Casablancas.

Bolsonaro, até o momento não fez nenhum pronunciamento a respeito das acusações envolvendo seu nome, feita pelo um dos maiores grupos de hackers que já existiu, os Anonymous.

Escrito por Ana Carolina

Redatora há 2 anos, escrevo sobre o mundo dos famosos, curiosidades, relacionamentos e sempre vou em busca de me manter atualizada, para levar o melhor conteúdo aos meus leitores.