Estudante surdo adota cão que foi devolvido por ser surdo em Florianópolis

Um cãozinho de 11 meses surdo foi largado, por ser surdo, e gracas a solidariedade de um jovem também surdo foi adotado.

O animal já aprendeu a distinguir alguns sinais de Libras (linguagem para surdos). Esta história faz parte de outras tantas, que podemos acompanhar no dia a dia, mas esta história tem algo diferente e muito emocionante.

Além disso, este caso chamou a atenção na Diretoria de Bem-Estar Animal situada em Florianópolis nos últimos dias. Um cãozinho de 11 meses, foi rejeitado por uma família, após saberem que ele era surdo. Mas gracas a um estudante, que tem o mesmo problema característico do animal, ou seja também é surdo adotou.

O jovem que é doutorado em estudos de tradução da UFSC, mora com 3 pessoas, sendo 2 deles surdos. João Gabriel Duarte Ferreira, que adotou o animal, é o terceiro filho de pais surdos. Ele e os colegas já tinham uma cadela, mas o estudante queria um cachorro que tivesse a mesma aparência física dele, surdo.

Foi aí que um dos amigos que moram na mesma casa, viu o animal numa rede social do Dibea, e falou para o estudante . O animal com nome de Jögan, tinha sido acolhido por uma família adotiva com 45 dias, sendo depois devolvido com pouco mais de 30 dias.

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!