Finalmente é divulgado o resultado do DNA da pequena Ísis Helena; ‘Descanse em paz anjinho’

Ísis Helena teve sua vida interrompida por sua própria mãe.

De acordo com o site “Itapira News”, o caso que envolve a pequena Ísis Helena está solucionado, depois de mais de 4 meses de seu desaparecimento. Ísis Helena nasceu em Itapira, interior de São Paulo, em maio de 2018 e desapareceu quando estava com 1 ano e 10 meses,

A história de Ísis Helena, começou na pequena Itapira e ganhou o país de forma a deixar a todos em choque, todos se perguntavam, como poderia uma menina pequena, que ainda não andava, ainda usava fraudas, era portadora de microcefalia e fazia uso de remédio controlado, sumir dessa forma, de uma hora para a outra, como sua mãe contava nos programas de TV e nas entrevistas e em seus depoimentos.

PUBLICIDADE

Jennifer Natália Pedro, disse ao delegado que a menina tinha ficado com o avô que sofria de Alzheimer enquanto ela e a avó tinha ido ao banco sacar a aposentadoria, a mãe de Ísis sustentou essa mentira por longos dois meses, mas como toda a população estava empenhada em resolver esse caso, foram surgindo novas testemunhas.

Até que um depoimento mudou toda a história e Jennifer foi presa, na prisão confessou o crime bárbaro e apontou o local onde o corpo estava enterrado.

PUBLICIDADE

Depois disso, o caso teve uma reviravolta, e um perito disse que a ossada não seria da menina e a mãe teria confessado sob tortura , mas agora, finalmente saiu o resultado do DNA, que confirma de uma vez por todas que o corpo é realmente de Ísis Helena. Assim a promotoria avisou que as providências serão tomadas contra os que propagarão as fake news, dizendo que a ossada não seria da criança.

Agora todos estão revoltados com as mentiras de Jennifer e a capacidade de tentar enganar até a justiça, agora o caso segue para julgamento e a sociedade espera que ela pague por tudo que fez.

Escrito por Redatora Nh

Escritora desde 2012. Sempre antenada nas redes sociais, por dentro das novidades, estudando e buscando o melhor para transmitir aos nossos leitores.