Gestante que perdeu o bebê após ser expulsa do carro pelo motorista de aplicativo porque estava sangrando lamentou: “Senti as dores do parto, mas não ia poder segurar meu bebê no colo”

Se o motorista tivesse atendido teriam chegado a tempo, o socorro seria imediato e provavelmente seu filho estaria vivo, disse ela.

A mulher que perdeu o bebê após o motorista de aplicativo obrigar ela e a mãe a descerem do carro por medo de sujar os bancos do automóvel de sangue, afirmou em entrevista que se o motorista tivesse a levado para o hospital seu bebê estaria vivo, ela perdeu muito tempo esperando a chegada da polícia para leva-la ao hospital.

Se o motorista tivesse atendido teriam chegado a tempo, o socorro seria imediato e provavelmente seu filho estaria vivo, o caso aconteceu no dia 24 segunda-feira na cidade de São Paulo.

PUBLICIDADE

Daiane Franco de 31 anos estava com 13 semanas de gestação, ela teve um sangramento e a mãe que estava com ela na casa chamou o motorista por aplicativo, quando iniciou a viagem o motorista não gostou de saber que ela estava sangrando, parou o carro no posto de gasolina e mandou que elas descessem e chamassem a polícia ou outro carro de aplicativo.

O motorista por aplicativo disse várias vezes que se o banco sujasse de sangue elas teriam que pagar, em determinado momento ele desistiu da corrida e as deixou no meio do caminho, uma câmera de segurança do posto de gasolina flagrou o momento em que o motorista deixa a gestante e a mãe.

PUBLICIDADE

Daiane parece estar sentindo muitas dores e conversa com o frentista do posto, ele chama a polícia que não demora chegar e Daiane é levada para o hospital.

A mãe de Daiana emocionada disse que é muito triste uma situação como essa, a filha estava tendo hemorragia e o motorista se negou a levar, no hospital Daiane recebeu a notícia que o filho estava sem vida, sentiu as dores do parto, mas não ia segurar o filho no colo.

 

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.