Grávida faz desabafo no seu perfil por nenhum convidado comparecer ao seu chá de bebê.

Valdivina Antônia Alves de 28 anos estava grávida de 8 meses e ficou devastada com o ocorrido. Por meses ela vinha juntando com muita dificuldade o dinheiro para organizar uma festa simples para seu bebê que em breve iria nascer. Ela convidou todos os seus amigos, mas apenas sua mãe e dois sobrinhos compareceram a festa.

Essa situação deixaria qualquer pessoa arrasada, e para uma gestante é ainda pior, já que a gestação já deixa a mulher um momento mais sensível. E isso foi o que aconteceu com a gestante Valdivina, quando percebeu que ninguém chegaria para o seu chá de bebê. Ela ficou tão arrasada e em prantos, mas seu marido e sua mãe estavam lá para apoia-la. Valdivina ficou muito chateada, e principalmente porque nenhum convidado sequer deu uma satisfação.

A Gestante contou que trabalha com artesanato, mas que não vende muito, e por isso que estava juntando o dinheiro aos poucos. Ela mesma elaborou os convites e chamou seus amigos.

PUBLICIDADE

Valdivina comentou ao jornal Extra, “Minha maior tristeza foi que ninguém se deu ao trabalho de me dar uma satisfação, de ligar e dizer que não poderia ir”.

“Eu postei para desabafar, para que as pessoas sentissem que eu fiquei triste. Mas, no dia seguinte, a história já tinha se espalhado, todo mundo estava comentando”, completou.

Com toda a razão, Valdivina se sentiu muito magoada, mas isso a fez compartilhar no face book a foto da mesa decorada, com um bolo no centro e intacto. A fotografia tinha a seguinte legenda: “Que desilusão. O chá de fraldas está vazio”.

PUBLICIDADE

O desabafo rivalizou

Logo a publicação se tornou viral: o post teve mais de 27 mil likes, mais de 5 mil comentários e mais de 3 mil compartilhamentos. Muitas pessoas simpatizaram com o ocorrido e alguns seguidores se mobilizaram e preparam um evento para juntar dinheiro e produtos para o neném da Valdivina.

Comovidos com a história, os principais incentivadores e organizadores da festa foi um grupo de músicos de Belo Horizonte chamado Vitrola Acústica. A nova festa, um chá de fraldas, teve show da banda organizadora, da dupla sertaneja Henrique e Marcilio e também contou com a participação de um DJ. Para participar da festa os convidados deveriam levar fraldas, lenços umedecidos e roupas infantis.

A comoção foi tão grande, que mesmo antes do evento as pessoas já estavam enviando produtos diretamente para Valdivina, que não acreditava na ajuda que estava recebendo. Mesmo na reta final da gestação ela só tinha uma chupeta e uma banheira para sua filha.  Graças a sua postagem e ao grande gesto de solidariedade ela conseguiu arrecadar tudo o que precisava para receber sua bebê. Valdivida ainda disse que iria doar o excedente para a creche da sua cidade.

PUBLICIDADE

 

PUBLICIDADE