Homem tem acesso de raiva e mata sua enteada de 2 anos por ter o chamado de papai

A pouco mais de um ano, uma garotinha foi assassinada de forma brutal com apenas dois anos de idade após chamar seu padrasto de pai, o homem teria tido um acesso de raiva enquanto cuidava das crianças para a esposa trabalhar.

Segundo as informações  Adam cuidava das crianças enquanto Alice Quine trabalhava durante o dia, o homem teria agredido a criança que ficou com fratura no crânio pernas quebradas e ferimentos graves.

PUBLICIDADE

Segundo Alice o homem teria costume de ficar nervoso sempre que ficava sem dinheiro para comprar drogas e nesse dia a criança acordou e chamou por ele que teve um acesso agredindo a menina, o resgate só foi acionado 40 minutos depois da agressão acontecer.

Para a ambulância que foi acionada o homem disse que a criança teria caído da cadeira de alimentação sendo desmentido durante os exames que disseram que os ferimentos eram compatíveis com um acidente de trânsito.

PUBLICIDADE

A pequena Grace de 2 anos no resistiu aps ser alvo de agresses durante um ataque de raiva do padrasto Foto ReproduoTwitterCleveland Police

Grace se separou dos pais da criança um ano antes de começar a se relacionar com Adam e quando o assassinato aconteceu eles tinham um ano de relacionamento porem o padrasto é usuário de maconha e cocaína o que foi confirmado nos exames feitos na cabeça da criança que constatou ter sido exposta às drogas.

O julgamento de Adam aconteceu na última segunda-feira (29) e o juiz decidiu ignorar o advogado de defesa que alegou que seu cliente era réu primário e decidiu decretar prisão perpétua para o padrasto da criança.

 

Escrito por Julia Carolina

Gosto sempre de trazer novidades e curiosidades para manter o publico informado no dia dia, sigo a linha de noticias infantis e voltadas ao publico materno, alem de receitas e remédios caseiros.