Jovem morre depois de ser abordado pela PM e atirar um objeto na cabeça na Zona Sul de SP, (Vídeo)

O caso ocorreu no último domingo, e foi alvo de protestos nesta terça.

Na noite deste último domingo, um homem que seguia numa motocicleta foi cercado pela PM, e chegou a morrer no Jardim Irene, na Zona Sul de SP. Nesta quarta-feira (19), a corporação informou que afastou os dois agentes militares que realizaram o cerco do ciclista.

A Corregedoria da PM, vai apurar a conduta dos agentes, e analisar um vídeo onde é possível ver a abordagem. Já na noite de terça -feira (18), manifestantes incendiaram um ônibus, em forma de protesto contra a morte do piloto.

PUBLICIDADE

A PM foi chamada, e existiu um inicio de um confronto com manifestantes. Até ao momento ninguém foi detido. Também não há qualquer registro de feridos.

De acordo com uma câmera se segurança, mostrou o momento em que um dos agentes atira um objeto contra a cabeça, do condutor da moto, que acaba por perder o control do veículo. Ainda nas mesmas imagens, é possível verificar o momento em que a motocicleta colide com a calcada, e derruba a garupa.

PUBLICIDADE

A vítima, identificada como Vitor Gomes Cleassi, conhecido pelo apelido de Tikão, ainda foi socorrido, mas devido à gravidade dos ferimentos não resistiu e morreu. O passageiro,adolescente que seguia com a vítima, teve apenas ferimentos leves.

Os PMs que estiveram envolvidos na abordagem, permaneciam no interior de uma viatura que estava estacionada, num posto de combustíveis, na Rua Serra dos Irmãos, no local onde ocorreu o acidente.

Confira o vídeo:

https://www.youtube.com/watch?v=G1STFjX7szs

 

 

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!