Jovem que voltou para escola para ajudar a namorada acabou sendo morto no massacre de suzano

Douglas Jovem cheio de vida em seu ato heroico depois ter conseguido sair da Escola. lembrou da namorada volta para escola para Tentar resgata- la hora do massacre mas infelizmente rapaz acabou sendo morto .

O Jovem Douglas Murilo Celestino, de 16 anos conseguiu sair da escola na hora tava acontecendo o massacre em Suzano que deixou 10 mortos na manhã da Quarta-Feira (13) mais garoto resolveu voltar para ajudar a namorada Adna Bezerra, também de 16 anos.

PUBLICIDADE

Familiares comovidos o ocorrido a tentativa de oferecer ajuda momento tão triste no Velório jovem nessa Quinta-feira dia 14. Os Parentes muito abalados preferiram não gravar entrevista.

Douglas chegou a ser socorrido com vida para o Hospital Luzia de Pinho Melo, localizado em Mongi das Cruzes, mas infelizmente ele não resistiu. O Corpo está sendo velado em uma igreja, no parque Maria Helena, em Suzano Familiares amigos do jovem e curiosos se despedem de Douglas.

PUBLICIDADE

A namorada de Douglas continua internada na UTI do Hospital das Clinicas de São Paulo. De Acordo com boletim Médico estado saúde da menina é estável.

A Deputada Federal Katia Sastre do partido PR de SP esteve no local para dar apoia a família para consola- los nesse momento de dor e tristeza.
Isso não pode acontecer revoltante crueldade esse massacre precisamos tomar medidas urgentes. escola é uma das melhores do município considerada como referencia na educação e ensino aos estudantes. Precisamos melhoras segurança nossas escolas proteger nosso alunos palavras da Deputada:

O massacre de Suzano :

Um adolescente e um homem encapuzados atacaram Brutalmente alunos da Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano (SP), na manhã desta quarta-feira (13) e mataram 10 pessoas, Em seguida, um dos assassinos atirou no próprio comparsa e, em seguida se suicidou. Pouco antes de acontecer massacre, a dupla havia entrado numa loja matado covardemente o proprietário da loja da região.

Os assassinos – Guilherme Taucci Monteiro, de 17 anos, e Luiz Henrique de Castro, de 25 – Foram ex-alunos da Escola .Segundo a Policia diz que os dois tinham um “pacto” juntos segundo o qual cometeriam o crime e depois cometeriam suicídio. Ainda não se o que motivou esse massacre. Foram feitas buscas na casa dos assassinos , e a polícia recolheu pertences dos dois para investigação .

As famílias dos criminosos também foram ouvidas estão tentando entender o que aconteceu . Os assassinos chegaram ao colégio dirigindo um carro alugado. A motivação para o ataque ainda não foi esclarecida , segundo a polícia. Segundo o Censo Escolar de 2017, a instituição tem 358 alunos da segunda etapa do fundamental (6º ao 9º ano) e 693 estudantes do ensino médio. Ainda no local, existe um centro estudos de idiomas.

Escrito por Pedro Machado

Apaixonado por marketing digital, colunista em diversos sites e páginas do facebook. Trabalhando como redator autônomo há mais de 5 anos. Contato: [email protected]