Laudo da necropsia do garoto João Pedro, aponta que ele foi atingido por um único disparo pelas costas

O laudo da necropsia do menino João Pedro, morto durante uma operação das policias Civil e Federal, no último dia 18, em São Gonçalo, Região Metropolitana do Rio

Laudo do IML aponta que João Pedro foi morto por um tiro que atingiu nas costas, João Pedro foi morto no dia 18 em São Gonçalo região metropolitana do Rio de Janeiro, o garoto foi atingido pelas costas durante uma operação das polícias Civil e Federal no bairro.

A informação anterior dizia que João Pedro foi atingido com um tiro na barriga, mas de acordo com a polícia civil e o exame necroscópico, mostrou que o tiro foi de fuzil e entrou pela linha da axila, atravessou o corpo de baixo para cima, significa que João Pedro foi atingido pelas costas.

PUBLICIDADE

Segundo a delegacia de homicídios, de Niterói e São Gonçalo que estão investigando o caso, declararam que o laudo não permite esclarecer tudo o que aconteceu, ou como os fatos sucederam, para isso será necessário realizar uma simulação e será feito logo após o depoimento dos pais de João Pedro.

Os advogados que representam a família, tem orientado a todos para falar somente com o Ministério Público, esta reunião deve acontecer na próxima semana, um inquérito foi aberto para a investigação da morte de João Pedro, está sendo realizado pela Polícia Civil.

PUBLICIDADE

Além deste inquérito a Corregedoria da instituição apura os fatos da conduta dos policiais, inclusive as suas operações, três homens da corregedoria de recursos especiais que estavam envolvidos nesta ação nos bairros de Niterói e São Gonçalo.

Testemunhas e a família do garoto afirmam, que os policiais chegaram no local atirando, de acordo com a polícia eles estavam em São Gonçalo porque estavam cumprindo 10 mandados de busca e apreensão e investigavam chefes do tráfico na área.

Ninguém foi preso, somente João Pedro foi baleado na operação das Polícias Civil e Federal, de acordo com a família, a casa ficou cravada de tiros. As armas dos policiais foram recolhidas para perícia.

 

Escrito por Marcos Antonio Martins

Marcos Martins, é mineiro da gema, nasceu no dia 30 de abril 1975, tem dois filhos lindos que não sabe se parece com ele ou com sua esposa, é cheio de defeitos, mas as qualidades são perceptíveis.