Luto: Mãe mata a própria filha de apenas 4 anos de idade e em seguida tira a própria vida”

Alguns vizinhos foram ouvidos e estão alarmados com o que aconteceu, jamais poderiam imaginar uma tragédia dessa.

Em Sete Lagoas Minas Gerais, uma mãe é uma suspeita de matar a filha de apenas 4 anos de idade e logo em seguida tirar a própria vida, a casa fica na Rua Venezuela Bairro Nova Cidade Sete Lagoas.

Segundo as informações da Polícia Militar, a mãe de 47 anos de idade atirou contra a criança que morreu na hora e logo em seguida tirou a própria vida, o corpo de bombeiros compareceu ao local, também a equipe da delegacia de homicídios da Polícia Civil e a equipe técnica de perícia foram ao local.

PUBLICIDADE

Nenhuma palavra foi repassada aos jornalistas, a Polícia Militar registrou nesta manhã do dia 22 o assassinato seguido de suicídio no bairro Nova Cidade e quando os policiais chegaram ao local confirmaram a tragédia.

O caso está sendo investigado pela assessoria de comunicação da 19ª Regional da Polícia Militar, os detalhes da ocorrência ainda não foram repassados para a imprensa mas os polícias estão investigando o caso.

PUBLICIDADE

Alguns vizinhos foram ouvidos e estão alarmados com o que aconteceu, jamais poderiam imaginar uma tragédia dessa envolvendo uma mãe e uma filha, todos ali da região que conheciam a família estão em choque.

Desespero, de acordo com alguns especialistas se manifesta em momentos de stress, onde a situação parece não ter saída, é associado em situações comuns do dia a dia, família, relacionamento, vida financeira, mas se permanece o desespero causa ansiedade, medo e pensamentos negativos.

Durante uma crise a pessoa é dominada pelo pânico e angústia, de acordo com os médicos não há um sintoma específico, são sensações de perda de controle e desesperança, a associação de todos esses sentimentos faz com que a pessoa tenha transtornos mentais, pensamentos ruins de suicídio e de raiva.

Se uma pessoa está passando por ataque incontrolado de desânimo é possível ter um tratamento e conquistar a saúde mental, mudar não é fácil, muitas não conseguem acreditar na luz no fim do túnel, conselhos parecem inúteis, mas essa mentalidade não é correto, é possível haver mudanças é possível encontrar ajuda procure ajuda profissional de um psicólogo.

 

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.