Mãe e namorada somem após morte suspeita de menino de 3 anos

As duas não foram mais vistas desde que a criança foi hospitalizada

A família de Pedro de apenas três anos está revoltada e muito abalada pela morte tão precoce da criança. No momento da chegada da criança ao hospital a mãe de Pedro dizia que o menino havia se engasgado e caído da escada  mas ao examinarem a criança os médicos suspeitaram de que Pedro havia sofrido agressões físicas.

A mãe de Bruna avó de Pedro não duvida de que a culpa é  da morte da criança é a própria mãe,  mas  ela disse que Bruna sempre negou o crime. O padrasto de Bruna também acusa a jovem e ainda diz que sua companheira também é culpada por tal crueldade.

O relacionamento de Bruna e a companheira ainda não havia completado 1 ano e foi uma grande surpresa para a família, mas a surpresa maior ainda foi Pedro ser vítima de maus-tratos pela própria mãe.

A família ainda conta que já fazia mais de quatro meses que não viam o menino, pois Bruna não deixava a família vê-lo e o padrasto de Bruna ainda diz que ninguém sabia dos maus tratos que Pedro sofria pois a mãe e sua companheira não moravam próximo dos parentes portanto as agressões eram desconhecidas pela família do menino.

Escrito por Redatora S Silva

Sou colunista de noticias, de famosos, tv, receitas, politicas e testemunhos e mensagens, reflexoes. Buscamos sempre o melhor, para que as notcias chega a tempo para todos.