Mãe e Pai abraçam bebê que morreu ainda na barriga por falta de anestesista em hospital

A família denunciou a situação nas redes sociais, "muito descaso".

Um triste caso ocorreu no Hospital Regional de São Francisco do Guaporé (RO), localizado a pelo menos 600 quilômetros de Porto Velho.

Uma mãe perdeu o seu bebê ainda dentro da barriga, isso porque o hospital onde ela foi ser tendida não havia anestesia para ser utilizada no momento de seu parto.

PUBLICIDADE

O caso foi denunciado pelo próprios pais do bebê através das redes sociais na nessa última sexta feira, dia 21 de Agosto, eles fizeram uma postagem com uma foto beijando a recém nascida que veio a óbito por negligencia.

A pequena Cecilia foi retirada sem vida, através de uma cirurgia, isso horas depois que ela já havia morrido, o que deixou seus pais em prantos com tanto descaso.

PUBLICIDADE

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesau) se pronunciou e relatou que o hospital conta com serviço terceirizado para esse tipo de procedimento, porém o profissional não estava no local naquele momento.E mesmo tendo um outro profissional habilitado para realizar a anestesia também não estava já que foi afastado pela unidade.

A mãe Keylyzangela Nillio teria ido ao hospital por volta das 21 horas de terça feira, ela já estava no fim de sua gestação, ela foi internada e ao passar por exames os médicos constataram que os batimentos com alteração.

Mesmo diante dessa preocupante situação, no momento não havia anestesista de plantão, para fazer o parto, e por causa disso foi necessario aguardar para que um anestesista chegasse e isso só ocorreu no dia seguinte.

E infelizmente a pequena Cecilia já havia morrido, com a filha sem vida nos braços, os pais fizeram uma foto beijando o bebê e postaram nas redes sociais, causando grande comoção e repercussão.

Veja a foto postada abaixo:

 

 

 

 

 

 

Escrito por Margareth Santos

Gosto de dedicar uma parte do meu tempo levando noticias e informações através de matérias relacionadas a tudo, inclusive de saúde, culinária, famosos e do mundo da maternidade.