Mãe e seu namorado causam a morte de menino de 2 anos que se recusou a comer um cachorro quente

Um exame post mortem de seu corpo descobriu que ele tinha vários ossos quebrados e inchaço no cérebro. Ele também estava desnutrido no momento de sua morte, um verdadeiro show de horrores aquela criança passou nas mãos de sua própria mãe e do namorado dela.

Depois de se declarar culpado de assassinato em segundo grau e duas acusações de abuso infantil, Woolheater foi condenado a 19 anos e cinco meses de prisão na sexta-feira.

“Eu sei que nunca poderei compensar ou desfazer os erros que cometi”, disse Woolheater no tribunal,

“Sei que falhei com meu filho quando ele precisou de mim.”Quero que se saiba que eu amava Tony e ainda o amo de todo o coração.”

Diel negou bater no garoto, mas foi considerado culpado de assassinato em segundo grau por um júri. Ele passará 49 anos atrás das grades pena que para os dois é muito pouca visto que tiraram a vida de uma criança inocente por motivo torpe.

 

 

Via: mirror.co.uk

Escrito por Cláudia Lm

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.