Marido desconfiado rastreia o celular da esposa e faz uma descoberta terrível

Ele desconfiou de algo por causa de uma mensagem no Instagram.

A Polícia Militar foi chamada em um motel no bairro Cidade Alta em Cuiabá nessa última quarta-feira (6) para averiguar uma briga de casal, mas não era o casal que estava no quarto do motel, pelo contrário o marido fez uma descoberta ao rastrear o celular da esposa e ao conferir a localidade em que a mulher estava descobriu que era um motel e foi até o local tirar satisfação com a esposa e como amante.

O caso foi registrado na central de flagrantes de Cuiabá, as identidades dos três envolvidos não foram divulgadas para preservar os três envolvidos.

PUBLICIDADE

A polícia informou que por volta das 16 horas um funcionário do motel ligou pedindo a polícia que enviasse uma viatura até o local, pois no quarto 46 estaria tendo uma briga entre 3 pessoas.

A equipe foi até o quarto e encontrou a esposa que afirmou que o suspeito é seu marido e havia acabado de flagra-la com o seu amante, esse seria o motivo da confusão no quarto. A mulher denunciou o marido para a polícia dizendo que ele a agrediu com socos chutes e até mesmo mordidas.

PUBLICIDADE

Os policiais militares registraram a ocorrência, pois a mulher tinha lesões pelo corpo. O amante depois de apanhar do marido fugiu do local e deixou a mulher sozinha com o marido enfurecido e não foi encontrado pela polícia.
O marido foi detido por causa da denúncia de agressão feita pela esposa.

Ele contou que na segunda-feira (4) viu uma mensagem no Instagram da esposa e passou a desconfiar que ela o estaria traindo, então para ter a certeza ele rastreou o celular da mulher e começou a segui-la.

Nessa quinta-feira (7) o sinal do celular levou o homem ao local onde ela estava e ele fez o flagrante e pegou a mulher no motel com seu amante e foi aquela confusão.

O Marido ficou muito machucado, resultado da briga com o amante da mulher. Ele o representante do motel foram encaminhados para central de flagrantes de Cuiabá o caso foi registrado como crime contra o patrimônio, violação de domicílio e lesão corporal.

 

Escrito por Pedro Machado

Apaixonado por marketing digital, colunista em diversos sites e páginas do facebook. Trabalhando como redator autônomo há mais de 5 anos. Contato: [email protected]