Médica que estava no combate contra a pandemia, morre com Covid-19:”Sem saber que dias antes tinha perdido a mãe”

Morre a primeira vítima da doença no estado de Cremepe,Recife.

Nesta quinta-feita Rosa Maria Papaléo, era anestesiologia e acupunturista, morreu vítima de Covid-19 no Hospital São Marcos no centro da cidade. Segundo o Conselho Regional de Medicina, foi a primeira vítima profissional a morrer com o novo coronavírus, já exercia a profissão há 32 anos.

Segundo o Cremepe, numa nota enviada, lamenta a perda da médica, ela era uma pessoa “desbravadora”, no que se relacionava a tratamento de dores, sendo inclusive, deixando um lindo legado ao longo da sua carreira.

PUBLICIDADE

Formada pela Universidade de Pernambuco, e tinha cursado na china em acupuntura. Reconhecida por todos os colegas e amigos médicos, vista como uma mulher doce, empática, muito amiga e acima de tudo trabalhadora, Rosa também exerceu no hospital onde veio a falecer e em mais três outras unidades hospitalares”, disse o Cremepe na nota enviada.

José Barbosa, um colega de trabalho e amigo da médica, a chamava de “mama”. Segundo ele, ela deixou um lindo legado na sua área de anestesiologia. Ela foi internada a 19 de abril com os sintomas do novo coronavírus.

PUBLICIDADE

“Podemos dizer que ela foi uma das grandes pioneiras do tratamento contra a dor, que hoje em dia já se tornou uma especialidade médica, que antigamente não era. Quando se inciou o tema de dor, há mais de 20 anos atrás, ela foi uma das primeiras pessoas a iniciar esse movimento dessa área aqui no Recife”, conta José.

Segundo ele, Rosa também pertencia a um grupo de risco de Covid-19, por diversos fatores, mas mesmo assim, se recusou de deitar de trabalhar, foi até ao fim.

“A médica tinha 65 anos, e tinha alguns problemas de saúde. Alguns dos profissionais de saúde, ficaram em casa cumprindo isolamento voluntário, mas ela foi uma das que continuou a trabalhar. Mesmo assim, continuou fazendo os seus plantões, e terminava mesmo por expor, com os mesmos equipamentos de proteção.

Infelizmente, segundo ainda o médico amigo de Rosa, ela tinha perdido a mãe que estava na UTI, poucos dias antes de morrer, não chegou a saber que a mãe tinha falecido. Rosa era solteira e sem filhos.

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!