Menina de 14 anos morre horas depois de aceitar um pirulito de mulher estranha em um trem

A adolescente passou mal em casa e foi levada para a UPA, mas não resistiu

Um adolescente de 14 anos morreu ao dar entrada na UPA Jardim íris que fica em São José de Meriti na Baixada Fluminense na última quarta-feira. Lorrana Madalena da Luz Manoel morreu depois de uma parada cardíaca e a polícia acredita que adolescente tenha sido envenenada, após passou mal horas depois de ganhar um pirulito de uma mulher estranha em um trem.

Familiares da adolescente informaram que ela chegou em casa sentindo dores fortes de cabeça e contou que ganhou o doce de uma mulher no vagão do trem onde estava. Por volta da meia-noite as dores de Lorrana aumentaram ao ponto dela ter crises de vômitos, sua família levou a adolescente imediatamente para a UPA.

Lorrana foi encaminhada para sala vermelha onde recebeu os atendimentos, mas não resistiu e faleceu.

A polícia de São João de Meriti está investigando o caso e apurando os fatos. De acordo com informações do delegado responsável pelo caso, Vinícius Domingos, ainda não foi confirmado se a adolescente foi envenenada ou não, no entanto a polícia não descarta a possibilidade de envenenamento.

O delegado informou que é preciso aguardar os resultados dos laudos de toxicologia para confirmar a informação.

Escrito por Cláudia Lm

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.