Menina responde errado duas perguntas de matemática e é espancada até a morte por professora

Uma estudante do ensino fundamental em Sichuan, na China, foi punida por sua professora por ter respondido duas perguntas erradas de matemática.

Uma professora de Ensino Fundamental foi punida por espancar uma criança por ter respondido errado as respostas de matemática.

A criança não soube responder duas perguntas e a professora espancou a menina causando uma lesão cerebral, a informação foi do jornal oriental Daily segundo informações a morte da criança coincidiu com o dia do Professor na China.

PUBLICIDADE

A menina tinha 10 anos gostava de estudar, por volta das 9 horas da manhã houve uma sequência de perguntas sobre matemática e a professora perguntou para ela duas questões, a menina não soube responder e a professora ficou muito furiosa e puniu a criança.

Pediu para quê menina se ajoelhar no chão e puxou as orelhas com muita força e ao mesmo tempo batia com socos na cabeça da criança, a menina é gêmea com uma outra que também estava na mesma sala que presenciou todo o espancamento.

PUBLICIDADE

Ela disse que ia irmã não conseguia se levantar, a violência foi muito forte quando a professora terminou os coleguinhas se levantaram para tentar ajudar, mas ela caiu no chão e por cerca de 15 minutos não reagia.

A própria professora chegou a ligar para a avó da menina afirmando que a criança parecia indisposta, a avó foi até a escola e percebeu que a criança não conseguia falar e nem abrir os olhos, então a levou rapidamente para o hospital, mas a menina não resistiu.

A professora havia começado na escola há poucos meses, ela gostava de punir os alunos espancando quando eles erravam, a direção da escola não deu nenhuma entrevista e até o momento não está claro se a professora foi punida pelo ato criminoso.

É comum esses atos de violência por parte de professores que querem a atenção dos alunos, muitos são os registros semelhantes a esses nas escolas da China.

 

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.