Menino de 6 anos vê a mãe ser morta com três tiros; criança pede ajuda aos vizinhos

O número de feminicidios no Brasil é absurdamente alto e na última sexta-feira primeiro dia do ano de 2021 mais uma mulher foi vítima da violência do próprio marido.

O número de feminicidios no período da pandemia tem crescido absurdamente, na última sexta-feira dia primeiro uma mulher foi morta pelo próprio marido e infelizmente seu filho, assistiu a mãe sendo morta, certamente isso ficará marcado na mente da criança por toda vida.

Segundo informações o homem suspeito é guarda civil, ele teria atirado na esposa na frente do filho de apenas 6 anos de idade.

PUBLICIDADE

A criança presenciou tudo que aconteceu, a briga, a discussão e o assassinato, testemunhas disseram que a criança gritou muito pedindo para ajudar a mãe, ele falou com os vizinhos sobre o que havia acontecido.

Uma vizinha socorreu a criança que estava aos gritos, a vizinha falou que a mãe jogou a criança pelo muro, a criança chorava muito e pedira ajuda para a mãe.

PUBLICIDADE

A vizinha ouviu os disparos feitos contra a mulher foram 3 tiros, a mulher mesmo baleada pegou a criança e levou para o quintal e jogou a criança para o outro lado do muro.

A vítima foi identificada como Caroline Conceição, ela era do Amapá estava em Goiânia, mas não tinha nenhum parente no estado.

Anderson Gomes Guarda Civil de 40 anos, alegou a polícia que atirou na companheira por legítima defesa.

Segundo informações ela teria pegado a sua arma e atirou contra ele duas vezes, ele então atirou contra ela.

O homem foi atingido na costela e foi levado ao hospital, quando sair do hospital ele se apresentará na delegacia, a criança está sobre os cuidados do Conselho Tutelar e a avó irá buscá-lo.

 

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.