“Minha filha, eu preciso de você”, grita mãe ao enterrar a sua única filha vítima da violência aos 3 anos de idade

Alice da Silva Almeida, de apenas 3 anos, faleceu logo após ser baleada por bandido dentro de sua casa.

A dor da perda é muito grande, ainda mais quando perdemos nossos filhos ainda tão novos, é muito desesperador, uma dor que parece não passar nunca.

E foi assim em meio ao desespero que a mãe da pequena Alice da Silva Almeida de apenas 3 aninhos ficou, após perder a sua filha de maneira repentina e inesperada.

PUBLICIDADE

Enquanto dava o ultimo adeus á sua filha, Amanda Guedes gritava em meio as lágrimas: “Minha filha, eu preciso de você!”, e observava o pequeno caixão branco descendo á sepultura.

Muitas pessoas que acompanharam o velório de Alice, se emocionaram com a atitude da mãe da pequena, pois era nítido ver a grande tristeza que tomava conta de seu coração.

PUBLICIDADE

Alice foi mais uma vitima da grande violência que ocorre no mundo, enquanto brincava feliz no quintal de sua casa, ela foi atingida por tiros e veio á falecer.

O crime ocorreu em Vila Velha, segundo informações, o alvo era um adolescente de 17 anos, ele estava sendo vitima de perseguição por um homem que estava em um carro branco.

E por isso ele resolveu invadir a residencia onde a menina estava, no intuito de se proteger, isso era lá por volta das 20 e 30 da noite de Domingo.

Um dos homens que estavam no carro saiu e disparou contra o adolescente, que levou um tiro de raspão em sua perna, mas a pequena Alice estava no meio do tiroteio foi a mais vitima de toda a situação.

Ela foi atingida na perna e em seu tórax, imediatamente os familiares correram com a menina para o hospital, mas infelizmente ela não resistiu e veio á falecer.

O corpo da criança foi velada sob forte clima de comoção e revolta, a mãe da menina precisou por diversas vezes ser aparada, pois não conseguia acreditar que havia perdido a sua filha.

A todo o momento Amanda ficou deitada por cima do caixão e aos prantos ela e seu esposo Geovane Almeida que é pai de Alice não conseguem se conformar com a grande perda.

Muitas pessoas compareceram ao funeral da menina, muitos amigos, e vizinhos que conheciam a pequena se sentiram despedaçados e quiseram prestar ás suas últimas homenagens.

Aos pratos Amanda gritava: “Meu Deus, como dói! Eu não vou viver! Volta para mim! Eu quero descer”, pois ali ia embora a sua unica filha.

A pequena Alice foi enterrada com o seu vestido de branca de neve que ela adorava, tema que teria sido usado em sua festinha de 1 aninho.

Abaixo uma foto da pequena Alice com o vestido de Branca de Neve:

 

Escrito por Margareth Santos

Gosto de dedicar uma parte do meu tempo levando noticias e informações através de matérias relacionadas a tudo, inclusive de saúde, culinária, famosos e do mundo da maternidade.