MP pede prisão de padre Robson por supostas irregularidades

O pedido foi negado pela justiça.

O Ministério Público de Goiás decidiu entrar com um pedido na Justiça para que o padre Robson fosse preso. Porém, a Justiça negou tal pedido.

Padre Robson está sendo investigado sob a suspeita de se apropriar indevidamente de dinheiro de uma associação criada por ele mesmo.

PUBLICIDADE

A Associação Filhos do Pai Eterno foi fundada pelo próprio padre em Trindade. Desde então a associação tem uma movimentação financeira próximo a R$ 20 milhões por mês.

Vale ressaltar que o padre Robson de Oliveira de Trindade não tem antecedentes criminais e possui bons antecedentes.

PUBLICIDADE

Arquidiocese se manifesta sobre o escândalo

A Arquidiocese de Goiânia é a responsável por administrar as paróquias daquela região. Eles não ficaram calados diante de tudo isso que está acontecendo. A Arquidiocese de Goiânia se manifestou em relação ao assunto e afirmou que está acompanhando de forma clara todo o trabalho desempenhado pelo Ministério Público e também se colocou a completa disposição para que dessa forma sejam capazes de colaborar com toda a investigação.

Motivação do pedido de prisão

O Ministério Público informou que a motivação do pedido de prisão se baseia no fato de que o padre Robson estaria promovendo transferência de bens para terceiros e também se apropriando de recursos da Afipe.

O MP ainda solicitou que o padre fosse afastado do carto que exerce na Associação Filhos do Pai Eterno e também que ficasse proibido de entrar nos imóveis da entidade.

 

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.