Mulher de 34 anos morre das complicações da covid-19, familiares desabafam: “Vírus não escolhe, não tem como saber quem vive, quem morre”

Cristiane Lima Leite tinha 34 anos, e mesmo sem nenhuma comorbidade, foi vítima da Covid-19.

Cristiane Lima Leite de 34 anos foi internada com as complicações de covid-19, ela morava em Mongaguá no litoral de São Paulo.

Embora não tivesse nenhuma comorbidade ela apresentou vários sintomas da covid teve uma parada cardiorrespiratória e faleceu.

PUBLICIDADE

Neste sábado (9) familiares desabafaram falando sobre essa doença, a cunhada Camila leite de 29 anos disse que o vírus não escolhe quem ele vai matar, as pessoas não sabem não tem como saber.

Cristiane tinha não tinha nenhuma doença, não tinha nenhuma comorbidade, no entanto foi internada em estado gravíssimo e não resistiu.

PUBLICIDADE

Camila disse que Cristiane estava esperando internação no Centro de Regulação de Ofertas de Serviços de Saúde, ela estava aguardando uma vaga e antes de aparecer a vaga ela faleceu.

Quando começou os sintomas ela foi para realizar raio-X, os médicos acreditavam que se tratava de pneumonia, o teste de covid-19 foi feito e em seguida ela foi liberada, depois de alguns dias ela passou mal voltou ao hospital e teve uma parada cardiorrespiratória e precisou ficar internada.

A morte de Cristiane assustou todos os amigos e parentes, ninguém esperava uma coisa assim todos foram pegos de surpresa, ela tinha apenas 34 anos, era cheia de vida e não tinha nenhuma doença.

A cunhada de Cristiane disse que em todos os lugares está havendo aglomerações e falta de cuidado das pessoas, muitas andam pela rua sem máscara.

A covid-19 mata e as pessoas não tem como saber se podem sair dessa convida, Cristiane deixou o marido, dois filhos e uma imensa dor e saudade em todas as pessoas que a conheciam.

 

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.