Mulher de SC dá à luz enquanto estava em coma induzido, após complicações de Covid-19, e dias depois descobre que a filha nasceu:”Quando acordei do coma, pensei ter perdido o bebê”, recorda

A mulher conheceu a filha, através de videochamada logo após de acordar na UTI, conheça a história.

A advogada de Marvilha, no Oeste catarinense, permanecia sedada na UTI, devido a complicações do novo coronavírus. O caso aconteceu em outubro do último ano, mas após um mês da publicação onde a mãe agradece à equipe médica por cuidarem da filha, o caso ganhou repercussão. Danúbia Leida tem 38 anos, e só conheceu a filha dezassete dias após ter dado à luz através de videochamada.

A mãe recorda, que quando acordou do coma, que a primeira coisa que fez, foi colocar a mão sobre a sua barrida. No qual ela não sabia onde estava, o que tinha ocorrido, e pensou se imediato que tinha perdido o bebê. Ela conta ainda, que não se lembra ter passado por uma cesária. Logo que saiu, literalmente do coma, uma chamada de vídeo foi feita, e a Danúbia pode finalmente ver a filha.

PUBLICIDADE

Após ter passado pelo pior, mãe e filha finalmente se puderam conhecer pessoalmente ao fim de dezanove dias, depois do nascimento. Agora a menina, que está com quatro meses, e a mãe está bem, entretanto a catarinense, continua a deixar o alerta para todos os amigos, parentes e familiares, sobre o perigo da doença.

Além de ter agradecido a todos os profissionais, ela também ressaltou ainda, o quanto é importante prevenir contra a doença. Que atualmente ela ainda precisa de ter alguns cuidados devido a uma trombose pulmonar, que surgiu após contrair o vírus.

PUBLICIDADE

Na sua publicação, ela disse ainda, que hoje, no meio desses números assustadores, tem medo, mas fica a imaginar passar por tudo de novo, ou ter familiares, parentes e amigos, na mesma situação, que, além disso é muito pior que na altura que ela contraiu a doença.

Em novembro, ela já se tinha dirigido à unidade de saúde, para deixar uma homenagem, aos profissionais que também tinham cuidado da família dela, e agradecer pessoalmente.

Ela disse ainda, que não acreditava, e que nem levava a sério a doença. E alerta que tem que se cuidar, a vacina já está a circular. Ela diz ainda, que é importante usar a máscara e álcool em gel. No qual tem muita gente que só acredita na realidade, e na gravidade da doença, quando um parente da família está doente.

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!