Mulher é sequestrada e morta a tiros pelo ex-marido: “Foi arrancada de dentro de casa e assassinada a sangue frio”

Conforme a investigação, Edgar foi de carro até a casa da ex-sogra e sequestrou a ex-mulher na frente dos três filhos que eles têm.

Na última quinta-feira (17) Paloma Oliveira de 33 anos foi sequestrada e morta pelo ex-companheiro Edgar Napolitano.

O caso aconteceu em São Paulo, Edgar após cometer o crime fugiu, ele está sendo procurado pela polícia.

PUBLICIDADE

Câmeras de segurança mostra o momento em que o homem atirou na ex esposa e fugiu, segundo a investigação Edgar foi de carro na casa da ex-sogra ele sequestrou sua ex-mulher na frente dos filhos e a levou para no estacionamento de um supermercado onde atirou contra ela.

Ele deixou o local e fugiu com o carro mas após alguns quilômetros abandonou o veículo, Paloma e Edgar estavam casacos a 19 anos, a filha mais velha tem 17 anos, eles tem um garoto de 11 anos e um caçula de 7.

PUBLICIDADE

O caso foi registrado na Delegacia da região como o feminicídio, ameaça, cárcere privado, sequestro e violência doméstica.

Segundo os parentes Edgar já havia sido preso por ter agredido Paloma outras vezes, ela tinha uma medida protetiva para que o esposo não se aproximasse dela, mas nada disso impediu que ele entrasse na residência sequestrasse e cometesse o crime.

Os parentes estão inconformados disseram que Paloma era uma pessoa cheia de vida tinha muitos amigos e se dedicava totalmente a família, principalmente na criação dos filhos e este monstro que não aceitava o fim do relacionamento a tirou de dentro da sua casa e a executou no pátio de um supermercado, Ttodos esperam que ele seja preso e pague pelo crime.

 

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.