Namorada não aceita o fim do relacionamento e ateia fogo em rapaz que falece com 40% do corpo queimado

A jovem alegou que foi em legítima defesa.

Luan Henrique Dantas de 27 anos morreu por volta das 18 horas da última quarta-feira 30 após ter o corpo incendiado por sua ex-namorada Alexandra da Silva. O caso aconteceu na comunidade Rio das Pedras no Rio, no último sábado. Luan era auxiliar de cozinha e teve 40% do corpo queimado.

O jovem foi levado para o hospital municipal Lourenço Jorge que fica na Barra da Tijuca e seu estado era muito grave, no entanto Luan não resistiu as queimaduras e morreu.

A ex-namorada de Luan foi presa nesta quinta-feira e deverá responder pelo homicídio. De acordo com informações do pai de Luan, Ednaldo Dantas de 47 anos que é taxista, o filho chegou em casa queimado pedindo socorro e contou que a ex-namorada havia ateado fogo nele.

O pai de Luan levou o jovem imediatamente para o hospital onde ele recebeu o socorro, o taxista informou que o casal teve um relacionamento de um ano e que há 4 meses haviam terminado o namoro.

Ednaldo disse que apesar de não estarem juntos os dois sempre iam um atrás do outro e que Luan já havia brigado com a ex-namorada.

Escrito por Cláudia Lm

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.