Polícia prende o padrasto de Danilo de 7 anos que foi morto afogado na lama perto da casa onde morava, o padrasto confessou ter matado o menino por mau comportamento

O menino Danilo de Souza Silva de 7 anos estava desaparecido e foi encontrado morto afogado na lama perto de sua casa.

O menino Danilo de Souza Silva de 7 anos estava desaparecido e foi encontrado morto afogado na lama perto de sua casa, tudo aconteceu em Goiânia. De acordo com informações da Polícia Civil duas pessoas foram presas na tarde desta sexta-feira 31 elas são suspeitas de participarem da morte do menino de 7 anos.

Os dois suspeitos que foram presos um deles é o padrasto de Danilo o homem foi identificado como Reginaldo Lima Santos o outro suspeito que foi apreendido e chama Hian Alves de Oliveira ele é filho adotivo de um pastor que mora na mesma rua do menino Danilo.

PUBLICIDADE

De acordo com informações da Polícia os homens confessaram ter matado a criança para se vingar por causa de um mau comportamento do menino.

Durante seu depoimento Hian disse que ajudou o padrasto a levar o corpo do menino para mata e em troca disso ele receberia uma moto e um carro como pagamento por ajudar a esconder o corpo do menino.

PUBLICIDADE

Hian Alves disse que no dia da morte de Danilo ele estava trabalhando na obra e o padrasto de Danilo arrastou o menino para dentro e lá machucou ele com um pau. O Homem disse que foi até a beirada da mata ajudando segurar a criança pelo braço depois voltou para trabalhar e o padrasto ficou com a criança lá na mata.

Danilo ficou desaparecido por 6 dias, ele sumiu logo depois de dizer que iria para casa de sua avó, desde então não foi mais encontrado, seis dias depois o corpo foi encontrado e foi confirmado que era o corpo de Danilo.

 

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.