Professora é presa após cometer racismo contra vizinho

A professora foi presa em flagrante e para não ficar presa pagou fiança de R$ 2 mil.

A professora Juliana Paula de Souza Monteiro foi presa após chamar chamar um vizinho de ‘macaco’. O caso ocorreu em Montes Claros, em Minas Gerais. Igor Oliveira registrou um boletim de ocorrência e afirmou ter sido vítima de racismo feito pela professora.

Ao relatar o caso, Igor disse que a discussão teria começado por causa de um pote de feijão. Ele teria deixado um pode cheio em cima do muro, este muro dividia a casa dele e da professora. Minutos depois ele volta e percebe que o pote estava no chão, ao ver Juliana a pergunta sobre o pote.

PUBLICIDADE

Igor diz ter sido chamado de preto e macaco apenas porque perguntou para ela sobre a vasilha caída. “O sentimento que sobressaí é a tristeza”, relatou ele.

A vítima diz ficar espantado com a profissão da vizinha, pois alguém com tamanha formação e especialização para formar outras pessoas, não poderiam ter uma atitude tão triste como essa.

PUBLICIDADE

O primeiro ato que passou pela cabeça de Igor foi ir até o locatário das casas onde ele mora para informar que chamaria a polícia para a moça. Neste meio tempo, Juliana continuou denegrindo Igor e ainda disse ser melhor do que as pessoas iguais a Igor, pelo simples fato de ser branca.

A professora acabou sendo presa em flagrante por injúria racial, mas pagou a fiança de R$2 mil para poder responder o processo em liberdade. Se perder o caso, ela pode pegar em torno de 3 anos de prisão por racismo.

Igor conta com três testemunhas que presenciaram a professora o chamando de ‘preto e macaco’, mas mesmo diante a isso, a delegada conta que Juliana nega o ocorrido e diz ter apenas um desentendimento com o vizinho.

Não esqueça de deixar o seu comentário. Ele é de grande importância para toda a nossa equipe e sempre contribui para o diálogo de temas com maior relevância para nossos leitores.

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.