Segue internado bebê que teve couro cabeludo arrancado durante o parto

Na segunda-feira, 10 de agosto, uma história de violência no parto em Cuiabá, chocou a todos. O procedimento foi realizado no hospital Santa Casa de Rondonópolis . O parto foi realizado com tanta violência que o bebê teve o couro cabeludo arrancado e mãe, Maria Lima de Jesus, uma perfuração na bexiga.

Adalberto de Souza Moreira que é pai do bebê e esposo de Maria Lima de Jesus fez a denúncia. Adalberto relatou ao G1 que sua esposa havia sido internada no dia 29 de julho, pois estava sentindo fortes dores.

PUBLICIDADE

No hospital, os médicos verificaram que a mãe já estava em trabalho de parto com apenas 32 semanas de gestação, mas que aguardariam mais duas semanas para que ela completasse o tempo correto, no entanto, os médicos também alegaram que houve outras complicações durante o parto, visto que na hora do parto não encontraram espaço entre a cabeça do bebê e bacia da gestante, o que acabou ocasionando a triste retirada do couro cabeludo do recém-nascido.

Ademais, o hospital admitiu que realmente ocorreu um erro médico, por conta disse toda a equipe médica que estava responsável pelo parto da gestante Maria Lima de Jesus será investigada.

PUBLICIDADE

O caso deixou muitas pessoas apavoradas e o bebê ainda está internado e seu estado é bem grave, e também a situação da criança e da mãe é bem delicada. Adalberto de Souza Moreira realizou a denuncia e aguarda que a justiça seja feita.

Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.