Sexta vítima denuncia padre Delson de ter sido masturbada por ele dentro de igreja

Cinco dias após o Metrópoles revelar, com exclusividade, a abertura de uma investigação contra o padre Delson Zacarias dos Santos (foto em destaque), 47 anos, acusado de abuso sexual,

A abertura de uma investigação contra o padre Delson Zacarias dos Santos teve início na última semana, o padre tem 47 anos é acusado de abuso contra seis mulheres que frequentavam a sua paróquia.

Elas chegaram relatar momentos de terror que viveram durante os ataques do sacerdote, uma mais jovem chegou a relatar o episódio mais recente disse que ela foi masturbada pelo padre dentro da igreja no dia do seu aniversário.

PUBLICIDADE

Após as denúncias a Arquidiocese de Brasília afastou o padre das suas funções e a polícia de Brasília investiga o caso.

As vítimas não serão identificadas revelaram que os atos aconteceram dentro da igreja São Mateus em Sobradinho, aconteceram nos anos de 2013 a 2018.

PUBLICIDADE

Um rapaz de 26 anos conta que foi abusado quando fez 18 anos no dia do seu aniversário, ele relata que ele saiu com o padre para comer pizza havia outras pessoas com eles para comemorar o aniversário.

Mas em certo momento quando ele ficou a sós com o padre ele combinou de levá-lo para casa, o Padre então começou a falar palavras obscenas sobre os órgãos genitais e pediu para ver.

O jovem achou estranho ficou assustado, negou e o padre mesmo assim continuou a tocá-lo, chegou a colocar a mão e a masturbar, a sessão de abuso durou 30 minutos pediu desculpas e disse que era a primeira vez que que tinha acontecido, achou muito estranho uma pessoa com quem se confessa ter uma atitude como essa.

Chegou a se afastar da igreja e não queria ser envolver mais e após a repercussão desses casos resolveu também denunciar os abusos que sofreu, todos contaram histórias parecidas de abuso do padre.

 

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.