Suspeito de assassinar Emanuelle era amigo da família

A polícia conseguiu chegar até o suspeito por conta de algumas câmeras de segurança de vizinhos da rua onde fica a praça. O homem tentou negar, mas acabou confessando o homicídio.

Segundo informações choveu bastante na região, o que acaba dificultando o acesso para encontrar o corpo da criança. Algumas viaturas teriam atolado no barro.

O vizinho Agnaldo já teria passagens pela polícia e ficará preso aguardando o julgamento.

Mais um motivo fútil, com uma morte de uma inocente. Quando uma mãe perde um filho, todas choram. Quantas “Emanuelles” ainda irão existir?

Via: g1.globo.com

Escrito por Melissa Lopes Tomaz

Trazendo "De tudo um pouco" por aqui. Relacionamento, curiosidades, receitinhas que amamos! Seja bem vindo!