Suspeito matou idosa arrancou 4 dedos e foi a uma agência bancaria tentar sacar o seu dinheiro

Homem que matou dentista era inquilino de um imóvel da vítima em Colorado (RO); ele confessou o crime. Marido de Dionélia Gioacometti também foi assassinado no mesmo dia.

Segundo o delegado Núbio Lopes, uma idosa por nome de Dionélia, teve os dedos arrancados pelos próprios inquilinos, segundo a Polícia Civil, o suspeito teria cortado os dedos da idosa colocada no bolso e se dirigido a uma agência bancária para tentar sacar o dinheiro da dona Dionélia.

Segundo a Polícia Civil, além de Dionélia, seu esposo Eldon também foi assassinado pelos inquilinos, a polícia encontrou os corpos do casal na cidade de Chupinguaia, perto de uma rodovia.

PUBLICIDADE

O delegado no Núbio, falou em uma coletiva de imprensa que o suspeito confessou que arrancou os dedos da idosa, ele fez um torniquete e cortou 4 dedos de ambas as mãos, colocou no bolso os dedos e foi em direção a uma agência para tentar sacar o dinheiro da vítima.

Segundo a polícia, enquanto o homem tentava sacar o dinheiro dentro da agência bancária, dentro do carro estava a esposa do suspeito aguardando por ele, segundo a investigação da Polícia Civil, o suspeito tentou sacar o dinheiro várias vezes, digitou a senha da idosa diversas vezes, mas não conseguiu e por não conseguir retirar o dinheiro, ele voltou novamente para a casa e matou o marido da dona Dionélia.

PUBLICIDADE

A mulher era servidora do Hospital das Clínicas em Brasileia, era dentista, mas devido a pandemia ficou afastada, pois fazia parte do grupo de risco, ela era funcionária efetiva e também era pioneira da Renovação Carismática Católica.

A entidade religiosa em nota enviou os sentimentos aos familiares, a nota dizia que Dionélia era uma colaboradora fiel a Deus e uma mulher de muita fé confirmou a renovação.

Segundo a Polícia Civil, o suspeito atraiu a vítima até o imóvel, após entrar na casa foi assassinada, em seguida cortou os dedos das mãos e procurou pelo cartão de crédito para poder tirar o dinheiro, mais tarde seu esposo foi assassinado.

Os dois inquilinos foram presos e aguardam o julgamento.

 

Escrito por Marcos Antonio Martins

Marcos Martins, é mineiro da gema, nasceu no dia 30 de abril 1975, tem dois filhos lindos que não sabe se parece com ele ou com sua esposa, é cheio de defeitos, mas as qualidades são perceptíveis.