Tony perdeu as pernas depois de ser maltratado pelos pais e agora ajuda os hospitais ingleses

Este é o Tony o conquistador, o menino que no lugar das pernas tem uma determinação infinita. As caminhadas começou a faze-las á alguns dias, e que pareciam impossíveis.

Este é o Tony o conquistador, o menino que no lugar das pernas tem uma determinação infinita. As caminhadas começou a faze-las á alguns dias, e que pareciam impossíveis.

Chama-mos a esta força da natureza o menino conquistador, porque a meta que ele próprio definiu a conseguiu conquistar já neste momento. Até agora já conseguiu percorrer 10km com 2 próteses nas pernas e apoiado em muletas. Quando ainda a 3 de junho mal conseguia dar um passo.

Parece que ao olhos do mundo ele não seria capaz de andar nunca, mas isso mudou não só anda como também podemos chamar voar, sim ele voa ao ponto de ter quase caído.

Palavra dura de se ouvir mas Tony foi literalmente esmagado por uns pais biológicos, que o maltrataram desde que nasceu. Era ele ainda bebé, quando deu entrada no hospital com os seus pequenos braços e pernas partidas, estavam simplesmente desfeitas.

Paula era enfermeira e conheceu Tony desde que ele deu entrada no hospital, e desde o primeiro momento em que o conheceu quis acolhe-lo. Conseguiu até adota-lo, ela tem sido a grande companheira de viagem deste pequeno lutador.

Escrito por Redatora Dm

Gosto de escrever sobre vários assuntos da atualidade, mas dou preferência á saúde e receitas. Esse é o meu foco.