Tristeza, jovem policial que havia acabado de se formar para soldado morre infectado com Covid-19: “Nem chegou a participar da formatura”

A PM lamentou a morte do soldado em uma nota.

Jonathan Felipe de 28 anos é um soldado da Polícia Militar no interior de São Paulo, ele foi infectado com coronavírus e não resistiu, segundo informações da assessoria da Polícia Militar divulgada nesta quinta-feira dia 11, o jovem fazia parte da formação dos Soldados da cidade.

A Secretaria Municipal de Saúde anunciou que o 14º Batalhão de Polícia Militar havia ocorrido um surto da covid19, cerca de 40 profissionais foram infectados com a doenças, em seguida os dados foram atualizados e a administração anunciou que já são mais de 64 casos confirmados na corporação.

PUBLICIDADE

Jonathan foi internado no hospital regional tratando da covid-19, de acordo com a vigilância em saúde ele não tinha doenças pré-existentes, mas teve uma grande complicação do quadro clínico e no dia 9 terça-feira veio a óbito.

Em nota a PM lastimou a perda do policial, disse que ele não chegou a participar da formatura porque já estava internado na UTI, Jonathan era casado e pai de um filho de 9 anos.

PUBLICIDADE

O soldado Tavares de 29 anos amigo Jonathan, disse que ele era muito responsável e querido no batalhão, ele o conheceu no período do curso básico na escola de Pirituba, falou que Jonathan era um rapaz muito esforçado, amava o que fazia sempre quis ser policial militar, era uma pessoa determinada.

Tavares também relatou que compartilhavam das suas histórias quando estavam na escola de Pirituba, depois que foram para o registro se tornaram grandes amigos ao ponto de um frequentar a casa do outro.

Tavares também disse que ele era um pai excelente porque sempre queria fazer o melhor para o filho, era uma pessoa muito alegre, brincalhona e prestativa.

Quando sentiu os sintomas da covid19, ele achou que era somente um resfriado, mas ao passar pela triagem precisou ser levado para o hospital, logo precisou ser induzido a coma e infelizmente não resistiu.

Segundo a polícia militar, o velório ocorreu no dia 10 quarta-feira, para evitar aglomerações durou apenas das 15 horas às 16 horas. Segundo a polícia militar que lamentou a morte do soldado Jonatas Felipe, a PM tem adotado todas as medidas necessárias para garantir a total proteção dos policiais.

 

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.