Usuários reclamam de compras indevidas e dados pessoais expostos no Ifood

Na última sexta-feira houve um pico de reclamações referente ao aplicativo Ifood, motivo era a exposição de dados pessoais dos usuários.

Ifood expõe dados pessoais de usuários e efetua compras indevidas

A empresa se pronunciou dizendo que houve um erro grave de atualização no aplicativo e que os dados pessoais de seus usuários não tinham sido disponibilizados.

PUBLICIDADE

Houve afirmação por grande parte dos usuários do aplicativo, afirmando em suas redes sociais que estão sofrendo problemas com as listas de pedidos e também dos endereços do “app”. Dentre eles alguns disseram que houve pedidos de compras que não efetuaram.

Um site brasileiro que detém as informações de reclamações de serviços prestadores online, divulgou um pico gigantesco de queixas sobre serviços prestados pelo aplicativo Ifood na última sexta-feira.

PUBLICIDADE

O que deixa toda está ocorrência mais preocupante e a exposição de dados pessoais com dados de cartões de crédito e de contas bancárias, no Twitter usuários ao mencionar o erro depois da atualização disseram ir para sua concorrente Happn.

A empresa prestadora dos serviços online (Ifood), deu uma notificação pública. Afirmando o problema existente em seu aplicativo “Houve problemas técnicos após a atualização do programa”, “Os problemas no aplicativo não foram ataques dirigidos por Hackers”.

Acrescentou “Durante este período de 30 minuto foram expostos dados pessoais de usuários aleatórios, reforçamos que mesmo assim não era possível que estes usuários tivessem feito pedidos por terceiros”, afirma a empresa que estes pedidos foram feitos pelos próprios usuários e que medidas serão tomadas somente contra a exposição indevida dos dados pessoais. Seguindo este posicionamento foi registrado uma grande queda de compras pelo aplicativo.

A medida tomada pela empresa foi deslogar todos os usuários afetados e impossibilitados de efetuar compras nesta manhã. Mesmo antes do pico diversas pessoas disseram que problemas como pedidos feitos de forma indevida são decorrentes na plataforma, a explicação do Ifood foi que não armazena dados de cartões de crédito em sua nuvem, estas informações ficam apenas no aparelho de cada usuário.

Escrito por Melissa Lopes

Trazendo "De tudo um pouco" por aqui. Relacionamento, curiosidades, notícias, receitinhas que amamos! Seja bem vindo!