Vacina chinesa contra Covid-19 começa a ser aplicada em profissionais da saúde a partir desta terça, diz governo

A vacina produzida por um laboratório chinês chegou ao Brasil no dia 20 e começará a ser aplicada em profissionais da saúde voluntários, como uma primeira fase de teste.

Após a próxima terça-feira (21), deverá começar a aplicação da vacina produzida pela China em 890 voluntários de São Paulo. As aplicações são parte da parceira com o Instituto Butantã e serão realizadas no Hospital das Clínicas.

Anteriormente, o governo estadual havia relatado que os testes teriam início no dia 20 de julho. Em diversas partes do Brasil, a primeira fase de testes da vacina irá somar aplicações em cerca de 9 mil profissionais da saúde voluntários.

Segundo Dimas Covas, presidente do Instituto Butantan, os voluntários serão avaliados em consultas a cada duas semanas. O esperado é que a fase três dos testes da vacina seja concluída em até três meses.

PUBLICIDADE

Em caso de sucesso nos testes, a vacina começará a ser produzida já no começo de 2021, no próprio Instituto Butantan, segundo o governador João Dória (PSDB). Dória também disse que a vacina será destinada para todo o país através do SUS e que o Butantan terá toda a tecnologia necessária.


Escrito por Redator News Hero

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.