Veja como será o saque do PIS/Pasep a partir de 2022

O PIS/Pasep sofreu algumas alterações e será pago ao longo de um ano

A realização do saque do PIS/Pasep, igualmente outros benefícios, sofreu algumas mudanças em suas regras para o próximo ano, apresentando reajustes para o ano de 2022.

A primeira coisa é, considera-se o valor do salário mínimo para o próximo ano, que de acordo com alguns anúncios feitos por parte do governo, podem chegar a R$ 1.200.

PUBLICIDADE

O cálculo do novo salário mínimo será feito pela revisão no Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). O valor ainda não foi revelado por parte do governo federal. Em decorrência disso, o abono salarial também deve ser definido.

Com base nessas mudanças, está previsto que o benefício se torne disponível a partir do mês de fevereiro de 2022. A realização do pagamento, está prevista para acontecer até dezembro, para todos os trabalhadores que se incluam nos requisitos do benefício.

PUBLICIDADE

Assim, analisando todas as mudanças no abono salarial do PIS/Pasep, é concluído que o benefício será pago no decorrer de um mesmo ano.

Lembrando que o valor varia de trabalhador para trabalhador. Assim, o cálculo é feito com base na quantidade de meses trabalhados no ano referente.

Conforme o tempo de trabalho, se forem 12 meses, o valor que vai ser pago no abono é em relação ao salário mínimo total. No caso de menos meses de trabalho, o pagamento é feito proporcionalmente.

Para conseguir direito ao saque do abono salarial do PIS/Pasep o trabalhador necessita de se inscrever no Programa de Integração Social (PIS), em um período mínimo de 5 anos.

Porém, ele precisa também de ter recebido dois salários mínimos pelo menos, no ano referente, além de ter trabalhado de carteira assinada por 30 dias no mínimo.

 

Escrito por Informe Cl

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.