Witzel sobre sequestrador: “Se não tivesse abatido, muitas vidas não teriam sido poupadas”

Governador promete promover policiais que mataram sequestrador

O governador do Rio de Janeiro, Wilson Witzel (PSC) declarou na manhã desta terça-feira (20) logo após a ação que terminou com a morte do sequestrador de um ônibus na ponte Rio-Niterói, que pretende pedir a promoção dos policiais.

Momento em que sequestrador de nibus baleado por sniper na ponte Rio-Niteri na manh desta tera-feira 20

Segundo o governador, ele irá pedir para que os policiais militares que participaram de toda a ação que culminou na morte do sequestrador, seja promovidos.

Wilson declarou que a promoção que os policias irão receber será por bravura. Ele relatou que eram vários policiais envolvidos na ação, para que pudessem ter vários ângulos do sequestrador.

Em sua declaração, o governador ainda deixou claro sua admiração pela postura da polícia, e disse que esta ação demonstrou toda a capacidade que os policiais militares do Rio de Janeiro tem para este tipo de ação e que são muito preparados para preservar vidas.

Para Witzel, se o sequestrador não fosse abatido pelos atiradores de elite, ele poderia terá causado a morte de várias pessoas, que estavam sendo feitas reféns por ele. O governador ainda afirmou que se a polícia fizer seu trabalho e abater quem está de fuzil, muitas vidas serão salvas.

Escrito por Reginaldo Ribeiro Teodoro

Sou especialista em notícias da TV, fofocas de famosos e acontecimentos em geral. Também escrevo sobre acontecimentos no meio político.